Pimenta Rosa

spicy and girlie

19 de January de 2009

Corretivo Mineral Power, Maybelline


Meninas, fiz uma comprinha ishperta e super humilde na Brigette’s no começo do mês.
Coisa assim, de pura necessidade. De verdade!
Quando senti meu Touche Magique fraquejar, já comecei a investigar outro corretivo pra comprar.

Aí, nessa minha pequena pesquisa, eu atinei: gente, não tem corretivo líquido no Brasil fácil de achar que custe menos de 20 reais.

Acompanhem meu raciocínio: corretivo em bastão ou cremoso tem aos montes, right? Vult, Yes, Avon, Koloss, Dailus, Duda Molinos, etc, etc.

Mas, e os líquidos?
Imagine que você, creuza on-the-go, está carente de concealer e queira arrematar um numa saidinha à tarde. Mas você quer um corretivo LÍQUIDO. Onde você vai, se quer gastar até uns 15 conto?

OPÇÕES:

- Boticário tem o 4 em 1, que é muito bom, rende que é uma beleza, e cobre bonito. Mas custa uns R$31,00. Já está fora, porque ultrapassa a verba.

- Natura tem o tão querido e amado de muitas, da linha Diversa, que custa, se não me engano, R$23,00. Tipo, ele é barato perto da maioria, mas é mais caro do que eu gostaria. E além disso, você tem que encomendar e esperar chegar. Ou, se der sorte, comprar pronta entrega, mas make é mais difícil de ter lá, dando sopa.

- O da Tracta baratex que tooodas falam que é ótimo eu NUNCA acho! Eu só vi corretivo da Tracta duas vezes na vida: na Ikesaki (e esse custava R$25,00) e uma vez na Renner, que era, se não me engano, R$17,00. Esse acho que é o que mais se adequa à essa faixa de preço estabelecida, mas ainda sim excede os quinze reais. E tem um problema: Tracta não é uma marca assim, fácil de achar. Tá, na Renner tem, mas e quem mora em interior, onde não tem shopping? Comofaz?
Porque eu passo as férias aqui no interior de São Paulo (Saint Jones of the Good View), e aqui da marca só tem umas duas bases e um batom na DrogaRaia recém aberta. Só. Nada dos blushs MARA e nem do tão falado corretivo.

- Esse Touche Magique que eu tenho é da L’oreal. Comprei na DrogaRaia do Conjunto Nacional e paguei R$34,00. Ele é muito bom, mas também é meio carinho. E também não é algo fácil de achar aqui no interior (a DR daqui não é a “Luxo”, como a do Conj. Nacional. Make, só Maybelline e as sobras da Tracta já mencionadas).

- Da Avon, líquido, tem o Renew. Mas a mesma coisa: custa umas 30 pila and tem que esperar chegar. E outra, eu não costumo usar coisas anti-idade ainda, quero esperar ao menos ter uns 25 anos pra começar.

- Bourjois, MAC, Revlon, YSL, e companhia limitada não tem em um monte de lugares pra vender. E são CAROS até falar chega aqui no Brasil!

E aí? O que a pessoa faz? Gente, vocês percebem que não temos opção de um corretivo líquido bom, barato e fácil de achar? Eu faço nesse post um apelo pra Vult, Duda Molinos e outras marcas mais acessíveis que lancem um corretivo líquido que dê pra achar em farmácias e perfumarias facilmente e que custe menos que 20 conto. Pufavô, né gente, pufavô.

Bom, aí me lembrei da Brigette maravilhosa, que tem produtos MARA, muitos que nem vendem aqui, ou que até estão à venda, mas são uzóio da cara, à um preço super amigo!

Fui lá fuçar e me decidi por esse da Maybelline, que imagino que comece à vender no Brasil quando eu já estiver me formando na faculdade!
É o Mineral Power, na cor Ivory (Light 2-3), esse aí da foto mesmo (foto, aliás, do próprio site BB). Pedi dia 29 de dezembro e chegou aqui segundona agora.

O aplicador é naquele esquema dos de glosses, sabe? De esponjinha.

Vem com 5,5ml, mas ele é bem espesso, então rende bastante. Aliás, espesso mesmo. Quando fui aplicar pela primeira vez, passei 3 gotinhas e fiquei com a olheira assustadoramente branca.

Demorou uns dois dias, mas me acertei com ele. Dura bastante, cobre legal, a embalagem é prática, o aplicador é bom (muito melhor que aquele pincelzinho do Touche Magique com o qual eu simplesmente não-me-acertava. Tinha que passar o corretivo na pele e depois acertar com o dedo mesmo) e custou – míseros – U$3.95.

Eu adoro o site, mas o frete é meio salgadeenho. Tipo, agora nem foi muito caro, mas depende do preço e da quantidade dos produtos que você coloca no carrinho, às vezes te dói o coração de clicar no check out. O frete dese custou U$3.00.

Na embalagem diz que ele possui micro-minerais, é oftalmologicamente testado, não possui talco (?), é livre de óleo, não tem fragrância e não entope seus poros. Ui, que poder.

Ou seja, ponham na ponta do lápis. Um produto mineral, que veio duse-ú-á, com frete pequeno punhal incluso custou menos do que os fabricados aqui.

Acho que isso serve de aviso pras marcas creuzas do Brasil. Vocês estão comendo poeira, viu.
Se Vult e as creuzetes tivessem corretivo líquido a um preço módico, dando sopa na farmácia, eu ia correndo dar uma olhada!

E vocês?

18 de January de 2009

Melhores de 2008 – Batom


Segunda categoria do Melhores de 2008: BATOM.

Bom, esses foram os batons que eu comprei nesse ano que se passou. Revirei a maletinha em busca de mais batons, mas aparentemente esses foram os únicos que comprei o ano todo.

Na foto, da esquerda pra direita: Hydraextreme cor Nude Brown, Maybelline; Intense cor 25, O Boticário; Frozen, Koloss; Rosa Elegance, Koloss; Ultra Color Rich Volume cor Ripe, Avon; Pétala, Koloss.

Vamos começar:

6º LUGAR: BATOM ROSA ELEGANCE, KOLOSS:
Descobri essa marca creuza através da necessaire de uma amiga, mas só me interessei por 2 produtos até hoje: o fixador de sombras (cujo nome não lembro e nunca vi mais gordo na frente) e os batons.
E é bom ressaltar que só me interessei pelos batons depois de ver uns dois lá no Flickr.
Apenas uns poucos são cremosos (o resto é tudo muito metáááálico e cintilanteeee, credo!), e das cores que vi, as que mais gostei foram essas daí.
Não é que não tenha gostado dessa cor em especial, mas ela foi a que menos me apeteceu das 3. É um rosa meio nude meio escuro, mas bem bonita.
O cheiro é bom, bem gostosinho. A duração tbm é boa.
Problemas: poderia ser bem mais hidratante, hein Koloss? Se não fosse o chapstick amigo, todos os vincos da minha boca ficariam marcados sem dó nem piedade.
A embalagem também poderia ser menos creuza. Assim, não precisa ser um luxo, mas só de não ter a tampa transparente já melhora bastante!

5º LUGAR: BATOM INTENSE, COR 25, BOTICÁRIO:
Só comprei esse batom porque fiz um daqueles cursos do Boti em que você reverte o mônai em produtos no final. Escolhi um lápis borracha e esse batom.
Assim, não é que eu não tenha gostado, mas é que as cores na ocasião eram suuuuper escassas. Sério, falo de uns 5 tons pra escolher!
O 25 foi o melhor que pude fazer.
É um rosa ligeiramente cintilante, nada muito cheguei, mas simplesmente acho que não combina comigo.
Uso, mas raramente, porque vivo negligenciando-o.
O cheiro é um pouco doce demais e só não ganhou o último lugar pq hidrata legal.
E a embalagem também não é nada aimeudeusqueembalagi, se bem que beat the hell out of the tampinhas transparentes (O-D-E-I-O! Coisa de pobre, e não no bom e velho sentido creuzo da coisa!)

4º LUGAR: BATOM PÉTALA, KOLOSS:
Esse tem os mesmos prós e contras do Rosa Elegance: cheiro gostoso e preço amigo, mas meio ressecado e de embalagem tosca.
Confesso que gosto muito dessa cor. Apesar de aparentar um marrom meio rosado forte na embalagem, fica fofo e não muito pesado nos lábios.
Gosto muito dessa cor, e é por isso que ele é nâmber fór.

3º LUGAR: BATOM FROZEN, KOLOSS:
Esse não só foi um achado pelas vantagens já citadas, mas também pq a cor ultra-fofa é parecida com a do Hug Me (Ou será do Hue? Oh God, essa memória de véia me mata!)!
Imiteichion tabajara do MAC que não te faça cair usbeiço? Se joga, creuza!

2º LUGAR: BATOM ULTRA COLOR RICH VOLUME, COR RIPE, DA AVON:
O estripador (Ripe? Jack the Ripper? Ãhn? Ãhn? Entenderam o trocadilho tosco?) veio de brinde na revista Nova e eu ti-ve que comprar pra poder experimentar o formigamentozinho que tava dando o que falar.
Hmm, o que posso dizer?
O cheiro é muito, mas muito gostoso mesmo!
A embalagem de 50 anos da Avon é puro luxo, gente. Me ganhou facimfacim.
Achei muito do doido esse trem branco de inchá a boca no meio do batom. Por quê será que não misturaram tudo e fizeram uma suruba batom-plumper?
Nem me dei ao trabalho de prestar atenção se a boca aumentava ou não de tamanho, porque a galera já disse e se conformou que é balela. Quem acha que aumenta, bom pra você. É sempre bom acreditar em alguma coisa!
Eu gosto de acreditar que gloss azul me faz parecer com os dentes mais brancos. E você? Qual o mito cosmético em que acredita?
Achei bem hidratante, super gostoso de passar e de usar.
Só perde pontos comigo pela cor. Assim, não me levem a mal, a cor é linda e é ótima pra usar principalmente à noite, quando a make pede um tchans. Mas nos lábios ela é mais clara do que no bastão.
Pouco chato comprar uma cor e no fim ter que se conformar com outra, bem mais apagadinha?
Mas enfim, gosto, uso, recomendo and compraria de novo. Na promô, é claro.
Porque, ciclo sim, ciclo não, você acaba achando todos os produtos da Avon em promoção. Fato.

1º LUGAR: BATOM HYDRAEXTREME, COR NUDE BROWN, MAYBELLINE:
Meu queridinho, meu achado, meu baby, meu caramelo em forma de batom.
Ele, o único, inigualável: Nude Brown. Yeah, baby!
Ele é barato, ele tem uma cor MA-RA, ele cheira bala toffee, enfim, ele foi meu sweetheart no quesito lipstick de doismiuioitchu.
E adivinha onde descobri? Tchantchantchantchan….aqui!
Sim, aqui na internet mesmo! No flickr, mais precisamente!
Vocês postaram, me enlouqueceram e me obrigaram a ir em quatro, vejam bem, eu disse QUATRO farmácias diferentes no mesmo dia só pra ter um desses pra chamar de meu.
E a cor? aimeudeusquecoisalouca. Vai com tudo, gente. Com tu-do. Usa ele com o bronzer da Bourjois e cai pra trás, creuza!
Meu único “porém” é a hidratação. Não é extrema coisa nenhuma. Maybelline feiosa, mentindo pra gente.
Mãns, digo e repito, nada como um bom lip balm pra resolver a vida.

PS: Alguém me explica a obssessão de fazer embalagens só nessa cor vinho-sem-graça que as marcas tem? Oi? Natura tem embalagem branca, comofaz?